Câmara Municipal e AL realizarão Audiência Pública sobre a Mina de Itataia

23/02/2014 - A Câmara Municipal de Santa Quitéria e a Assembleia Legislativa do Estado do Ceará, realizarão no próximo dia 07/04, às 9h, no município de Santa Quitéria, uma Audiência Pública para debater sobre a Jazida de Itataia, que tem previsão para abertura dos trabalhos em 2015.
A audiência é mais uma oportunidade que a população de Santa Quitéria e cidades vizinhas tem para que possa conhecer mais o projeto e tirar todas as dúvidas da exploração.

Localização da Usina de Itataia / Foto: Divulgação

Segundo o vereador Lino Paiva, autor do requerimento, em entrevista ao Portal A Voz, o objetivo desta audiência é "mostrar a população no município, as vantagens e as consequências que a mina pode trazer".
A realização desta audiência só foi possível, através deste requerimento na Câmara Municipal, sendo atendido na Assembleia Legislativa, pelo deputado estadual Sérgio Aguiar. Para esta audiência, deverão ser convidados, o prefeito municipal Fabiano Lobo, representantes da INB, da Galvani, da FIEC, da Câmara Municipal, do IBAMA, da ADECE, dentre outras autoridades.

Postar um comentário

Caro Editor,
O ministério público vai ser Convidado?
Olha so o que vai acontecer na extração de fosfato e separação deste, do urânio na mina de Itataia em Santa Quitéria-CE. O processo é EXPERIMENTAL, ninguém sabe o que vai acontecer quando a extração for à escala industrial.

Coitado dos habitantes desta terra. Pela localização da mina, vocês vão cheirar ácido sulfúrico, até lacrimejar os olhos (O vento vai ser o maior inimigo, pela localização da cidade em relação a mina).
O Urânio vai ser subproduto, o que importa, é extrair fosfato para vender como fertilizante.
Aposto que eles vão dizer que TODA A RADIAÇÃO VAI SER ELIMINADA PELO PROCESSO QUÍMICO.

Ministério público tem ser informado a cada passo. A lagoa de estabilização que vai restar da lavagem da separação fica a montante da bacia do Groaíras. Vão usar água do açúde Serrote?? A mesma que abastece Santa Quitéria? Eles vão pagar por esta água? Assim, como habitantes da cidade? Quantos mil litros vão retirar da barragem? Espero que o IBAMA esteja atento com toda esta situação. Gostaria de ver algumas interrogações do ministério público sobre este novo projeto de exploração/separação


O que eu acho nesta historia, é que depois que os debates sobre esse assunto ficaram mais técnicos envolvendo melhor conhecimento de causa, as noticias sobre, patete, invenções, novas técnicas (será?????), pipocaram nos sites de todo o mundo. È so você colocar no google.

COLEI E COPIEI
O Instituto de Engenharia Nuclear e as Indústrias Nucleares do Brasil anunciaram o desenvolvimento de uma rota tecnológica capaz de separar o urânio do fosfato, aproveitando o máximo dos dois elementos.
A descoberta resultou de um estudo de cinco anos realizado pelos pesquisadores José Waldemar Silva Dias da Cunha e Glória Regina da Silva Willdhagen, com suporte da equipe das duas instituições.
Os testes foram realizados primeiramente em laboratório e, posteriormente, a eficácia do processo em escala industrial foi comprovada após mais de 1.000 horas contínuas de avaliação na planta-piloto construída na unidade da INB (Indústrias Nucleares do Brasil) no município de Caldas (MG).
A aplicação da rota tecnológica, contudo, viabilizará a exploração da jazida de Santa Quitéria, no Ceará, onde o urânio encontra-se associado ao fosfato.
.
Em janeiro, um documento foi firmado pela INB e pela Comissão Nacional de Energia Nuclear (CNEN/MCTI), da qual o IEN faz parte, para normalizar o registro da patente/propriedade da tecnologia, que será aplicada na jazida de Santa Quitéria.
Na mina de Santa Quitéria, o minério de Urânio se encontra unido ao fosfato. Para efetuar a sua extração foi formado o Consórcio Santa Quitéria. A iniciativa pressupõe a implantação de um complexo minero-industrial com o objetivo de explorar os minerais já de forma desassociada.
A descoberta da separação dos minerais resulta de uma pesquisa de meia década elaborada pelos pesquisadores José Waldemar Silva Dias da Cunha e Glória Regina da Silva Willdhagen com o apoio do IEN e da INB.

Bonita atitude essa de organizar uma audiência pública para discutir os benefícios e malefícios da exploração da mina, mas acrescentem ai que é PÚBLICA e que o povo vai participar.

Existe grupos que estudam sobre este assunto e trazem consigo grandes informações sobre isso, inclusive experiências de outras realidades como a de Caitité na Bahia. É um grupo que estuda cientificamente o que pode vir a acontecer com as pessoas diretamente e indiretamente afetadas, por isso é interessante convidá-los a participar, o Núcleo de Trabalho, Meio Ambiente e Saúde (UFC), e organizações que são contrarias a exploração da mina, como: Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST), Cáritas Diocesana de Sobral, Comissão Pastoral da Terra (CPT) e moradores de comunidades atingidas da região de Santa Quitéria, Itatira e Canindé.

“A” só lembrando: Quando a Galvani e INB levarem o grupo de vereadores e lideres políticos de Santa Quitéria para visitarem Caitité na Bahia, onde esta sendo explorado uma mina,mostrem tudo viu, e não somente as "coisas boas", mostrem o número de pessoas com câncer, a contaminação dos alimentos, o preconceito, em outras palavras, a parte boa e parte ruim...

A Voz de Santa Quitéria é uma ferramenta de informação que tem como características primordiais, a imparcialidade e o respeito a liberdade de expressão.
Contudo, em virtude da grande quantidade de comentários anônimos postados por pessoas que se utilizam do anonimato muitas vezes para ferir a honra e a dignidade de outras, a opção "Anônimo" foi desativada.
Agradecemos a compreensão de todos, disponibilizando desde já um endereço de email para quem tiver interesse em enviar sugestões de matérias, críticas ou elogios: avozdesantaquiteria@outlook.com.

Cordialmente,
Departamento de jornalismo

[disqus][facebook]

MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget