Maranguape é palco da largada do Cerapió 2016

27/01/2016 - A cidade de Maranguape, na região metropolitana de Fortaleza (CE), foi palco da largada oficial do Rally Cerapió 2016, nesta quarta-feira (27). Terra natal de Chico Anysio, o município cearense viu nascer mais uma edição de uma das maiores provas off-road do país, que neste ano é composta por 85 carros 4x4, 10 UTVs, 28 quadriciclos, 104 motos e 180 bicicletas.
Após a largada realizada em frente à prefeitura do município, os ciclistas percorrerão 83 quilômetros rumo a Pacoti (CE), onde encerrarão o primeiro dos quatro dias de prova. Já os carros 4x4, quadriciclos, UTVs e motos rally terão um trajeto mais longo, com 260 km até Quixadá, cidade famosa pelos monólitos. As motos de regularidade enfrentarão um percurso menor e diferente dos demais veículos motorizados, sendo 243 km.
Ao longo do percurso, os competidores encontrarão alguns trechos de serra que podem variar entre 800 e 1.000 metros acima do nível do mar. Também estão previstas trilhas com muitas pedras. Outro adversário é a iminência de chuvas.
São cerca de 500 competidores de todas as regiões do Brasil, além de uma carava com mais de 1.000 pessoas, contando equipes de apoio, organização e imprensa, que seguem pelos estados do Ceará e do Piauí entre os dias 27 e 30 de janeiro. O percurso total contempla aproximadamente 1.300 quilômetros e passará por cidades como Pacoti, Iguatu, Picos e Teresina.
O Rally Cerapió 2016 é uma realização da Radical Produções e tem o apoio da Audax Bikes, Michelin, Honda e Can-Am além de contar com o apoio institucional do Governo do Estado do Ceará, Governo do Estado do Piauí e Prefeitura Municipal de Teresina. A competição também conta com a colaboração do Sebrae, Shopping Iguatemi Fortaleza e prefeituras de Maranguape, Iguatu, Quixadá e Picos. A Revista da Moto! e a revista Speedway são parceiros na divulgação do evento; ADI, Óptica Jockey e Instituto Saber e Ler são parceiros sociais.

Diário do Nordeste
    Comente pelo Disqus
    Comente pelo Facebook
#Compartilhe