Quase metade da população de Recife já foi infectada pelo Aedes aegypti, aponta pesquisa

20/02/2016 - Recife já havia sido apontada como uma das cidades brasileiras com maior incidência de casos das doenças transmitidas pelo Aedes aegypti. Agora, há um dado ainda mais alarmante referente à cidade: quase metade de sua população já foi infectada por algum dos vírus propagados pelo mosquito.
A informação é proveniente de uma pesquisa realizada pelo Instituto de Pesquisa Maurício de Nassau, divulgada neste sábado (20). Segundo o estudo, que envolveu centenas de moradores da capital pernambucana, 45,4%das pessoas ouvidas já foram acometidas pela dengue, seguidas de 29% pela Chikungunya e de 10% pela Zika.
O trabalho, de forma mais específico, revelou também que os sintomas da Chikungunya permanecem por mais tempo no corpo dos doentes do que a dengue, por exemplo, já que pode deixar os pacientes por aproximadamente 30 dias com suas características. 16,7% dos acometidos sentiram os sintomas por mais de um mês.

Redação Web
    Comente pelo Disqus
    Comente pelo Facebook
#Compartilhe