56 anos de Senna, o ídolo que o Brasil não esquece

21/03/2016 - Há 21 anos, o Brasil se despediu de um dos maiores pilotos de Fórmula 1 do mundo: Ayrton Senna. Nesta segunda-feira, 21, o campeão completaria 56 anos.
Senna conquistou três vezes, o campeonato mundial correndo pela McLaren. Em 10 anos de Fórmula 1, disputou 116 corridas, conquistou 65 pole positions e venceu 41 competições. Venceu seis vezes o GP de Mônaco. Era chamado “O Rei de Mônaco”.
Morreu em Ímola, Itália, no dia 1 de maio de 1994, durante o Grande Prêmio de San Marino, quando seu carro sai da pista na curva Tamburello e bate no muro de proteção.

Ayrton venceu o GP do Brasil, em 1993. Relembre:
    Comente pelo Disqus
    Comente pelo Facebook
#Compartilhe