Após prorrogar campanha, Ceará bate meta de vacinação contra H1N1

O Ceará atingiu nesta terça-feira (24) a meta de vacinar 80% do público prioritário na campanha de vacinação contra H1N1. O objetivo inicial era cumprir a meta até sexta-feira (20), quando era previsto o fim da campanha, que foi prorrogada no Ceará.
De acordo com a Secretaria da Saúde do Ceará, antes das 13h desta terça, o Sistema de Informações do Programa Nacional de Imunizações registrava 1.422.183 doses aplicadas da vacina contra a gripe. Por grupos populacionais prioritários, a meta de cobertura vacinal também foi alcançada entre os trabalhadores da saúde (100,15%), mulheres com até 45 dias pós-parto (94,52%) e idosos (80,28%).
Ainda segundo a secretaria, o Estado mantém até sexta-feira (27) a campanha para que outros municípios cheguem à meta de imunizar 80% do público-alvo. Dos 184 municípios do Ceará, 118 cumpriram esse índice de cobertura vacinal da população até às 13h desta terça-feira.

118 cidades batem a meta
Em todo o Ceará, a população que deve se vacinar é composta por 576.022 crianças de 6 meses a 4 anos, 138.800 trabalhadores da saúde, 96.459 gestantes, 15.853 puérperas (que deu à luz recentemente), 24.555 indígenas, 924.727 idosos acima de 60 anos, além das pessoas com doenças crônicas, adolescentes e jovens sob medidas socioeducativas, população carcerária e funcionários do sistema prisional em todo o Estado.
Em 2016, foram confirmados 20 casos de gripe A (H1N1), com nove óbitos, e há outros 20 casos sendo investigados. Dos nove óbitos confirmados de gripe A este ano em seis municípios (2 em Caucaia, 2 em Fortaleza, 1 em Juazeiro do Norte, 1 em Sobral, 1 em Jaguaretama e 1 em Pereiro), nenhum havia se vacinado em 2015. Ou seja, não estavam protegidos contra o vírus.
A vacina contra a gripe em 2016 protege contra Influenza A (H1N1), Influenza A (H3N2) e Influenza B. Na vacinação, o Governo do Estado garante as seringas e as vacinas são repassadas pelo Ministério da Saúde.

G1 CE
    Comente pelo Disqus
    Comente pelo Facebook
#Compartilhe