Camilo sugere e governadores do NE assinam carta contra fim do Ministério da Cultura

Os governadores do Nordeste assinaram, nesta quinta-feira (19), uma carta em que defendem o Ministério da Cultura. O documento, que foi proposto por Camilo Santana e foi aceito pelos outros oito gestores, será enviado ao Governo Federal. Os chefes do executivo estaduais se reuniram em Maceió no 4º Encontro dos Governadores do Nordeste.
Camilo Santana disse, ao apresentar a proposta, que as políticas construídas ao longo dos 31 anos em que a pasta existe não podem retroceder. Os governadores manifestam-se na carta contra a extinção do Ministério e pelo fortalecimento das ações na área. 
Além da cultura, os governantes falaram ainda sobre a uniformização dos índices de Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLI) e temas econômicos como o apoio ao projeto de renegociação de dívidas dos estados com ampliação de carência e autorização para a contratação de novas operações de crédito.

Veja íntegra da carta

Diário do Nordeste
    Comente pelo Disqus
    Comente pelo Facebook
#Compartilhe