Ceará prorroga até dia 27 campanha de vacinação para grupos prioritários

O Ceará não conseguiu cumprir a meta de cobertura vacinal da Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza e, por essa razão a campanha de vacinação vai ser prorrogada no Estado até o dia 27, exclusivamente para os grupos prioritários, de acordo com a Secretaria de Saúde do Estado (Sesa). Até esta sexta-feira (20), data do encerramento oficial da campanha, o estado aplicou 1.298.762 doses de vacina, o que representa 73,11% do público-alvo de 1.776.416, segundo o Ministério da Saúde.
Dos 184 municípios do Ceará, 91 cumpriram a meta estabelecida pelo Ministério da Saúde de 80% de cobertura vacinal da população-alvo da campanha, formada por 576.022 crianças de 6 meses a 4 anos, 138.800 trabalhadores da saúde, 96.459 gestantes, 15.853 puérperas, 24.555 indígenas, 924.727 idosos acima de 60 anos, além das pessoas com doenças crônicas, adolescentes e jovens sob medidas socioeducativas, população carcerária e funcionários do sistema prisional em todo o Estado.
Este ano, foram confirmados 20 casos de gripe A (H1N1), com oito óbitos, e há outros 20 casos sendo investigados. Das oito mortes confirmadas de gripe A este ano em seis municípios (2 em Caucaia, 2 em Fortaleza, 1 em Juazeiro do Norte, 1 em Sobral, 1 em Jaguaretama e 1 em Pereiro), nenhum havia se vacinado em 2015.
Ou seja, não estavam protegidos contra o vírus. A vacina contra a gripe em 2016 protege contra Influenza A (H1N1), Influenza A (H3N2) e Influenza B. Na vacinação, o Governo do Estado garante as seringas e as vacinas são repassadas pelo Ministério da Saúde.

G1 CE
    Comente pelo Disqus
    Comente pelo Facebook
#Compartilhe