Dilma assina criação de novos IFCE e quiterienses perguntam como está a criação da unidade local

Nesta segunda (09/05), a presidente Dilma Rousseff assinou a criação de mais 05 Institutos Federais de Educação (IFCEs), nos municípios de Itapipoca, Pecém, Paracuru, Boa Viagem e Horizonte, passando a contar com 33 unidades da instituição.
Atualmente, são 22 mil alunos que são atendidos pelos institutos no estado, seguindo a meta do programa de expansão da rede federal de educação profissional e tecnológica e levando em consideração, a descentralização da oferta de qualificação profissional, com o crescimento socioeconômico de cada região e a prevenção ao êxodo de jovens estudantes para a capital.

O velho ditado já afirma que "promessa é dívida". Enquanto Dilma cria novas unidades, os quiterienses perguntam: Como está a criação da unidade local?

No próximo dia 16, completam-se 02 anos que os representantes do IFCE estiveram no município para definir os cursos que seriam oferecidos na unidade de Santa Quitéria, sendo escolhidos Mineração, Agroecologia, Tradução/Interpretação de Libras e Orientação Comunitária.
Ainda na reunião, realizada na Câmara Municipal, foi definido que a Escola Júlia Catunda sediaria temporariamente para a instalação e disciplinas de orientação à comunidade, com a promessa de que, em agosto de 2014, as aulas iniciassem.

Chegamos a maio de 2016. Nem reforma feita na escola (como previsto), nem aulas iniciadas, muito menos, a construção da sede - próxima ao Mini Distrito, na saída para Catunda. Pra falar a verdade mesmo, Santa Quitéria não está nem no mapa de implantação.


Políticos locais se vangloriam quanto ao prestígio junto aos governos estadual e federal, mas que tem sido inerte para que se agilize a criação da unidade, que tornaria o município como um polo de referência educacional, beneficiando milhares de pessoas.
    Comente pelo Disqus
    Comente pelo Facebook
#Compartilhe