Paredão de som avaliado em mais de R$ 1 milhão é apreendido em Horizonte

Um caminhão foi apreendido em um clube no município de Horizonte, Região Metropolitana de Fortaleza, na noite de ontem (14). O proprietário do equipamento não possuía autorização para uso de paredão, avaliado em mais de R$ 1 milhão. 
Segundo a Polícia, foi feito a medição do aparelho, que resultou em 116 decibéis. O caminhão, com nome 'Pais e Filhos', um Ford Cargo 2422, foi apreendido. O Batalhão de Polícia Militar Ambiental (BPMA) esteve no local em apoio à Polícia Militar. 
O paredão do caso contém 116 alto falantes de diferentes potências, 64 cornetas, 48 tuítas e luzes de LED. Para a conclusão do crime foi elaborado o auto de constatação de poluição sonora para assim, haver a continuidade dos procedimentos policiais. 
Em Fortaleza, há duas leis que discutem esse tipo de crime. A Lei Municipal, nº 9.756, Lei do Paredão, constata que fica expressamente vedado o funcionamento dos equipamentos de som automotivos e sonoros nas vias, praças, praias e demais logradouros públicos no âmbito do Município de Fortaleza. A Lei do Silêncio, nº 13.711, afirma que  cabe a qualquer pessoa que considerar seu sossego perturbado por sons ou ruídos comunicar a ocorrência para que sejam tomadas as providências necessárias.

Diário do Nordeste
    Comente pelo Disqus
    Comente pelo Facebook
#Compartilhe