Paulista é presa no aeroporto de Fortaleza com mais de 40 tabletes de maconha 'gourmet'

Uma mulher de 21 anos, natural de São Paulo, foi presa na noite da última sexta-feira (8), quando desembarcava no Aeroporto Internacional  Pinto Martins, com 11 quilos de maconha ‘gourmet’ na bagagem. A abordagem da suspeita foi feita pela Polícia Federal, depois que uma vistoria de rotina com um aparelho de Raio-X identificou o material, no fundo falso da mala que ela levava. 
A passageira, que não teve a identidade divulgada,  estava em um voo que partiu de Barcelona, na Espanha e tinha uma escala em Lisboa,  Portugal.   Depois de ser constatado que havia droga na bagagem da paulista, ela foi conduzida à Superintendência Regional da Policia Federal no Ceará, onde foi ouvida e autuada. A suspeita confessou que havia sido contatada para fazer o transporte da maconha, na Espanha,  por um homem que falava português. 
A droga apreendida é chamada ‘gourmet’ por ser  uma variação da maconha que se torna mais forte, pelo modo como é preparada para a venda. Os narcóticos estavam acondicionados em mais de 40 tabletes prensados, semelhantes a chocolates. A presa deverá responder por tráfico internacional de drogas, na Justiça Federal do Ceará.

Diário do Nordeste
    Comente pelo Disqus
    Comente pelo Facebook
#Compartilhe