"Tom & Jerry" são os culpados pela violência no Médio Oriente, diz embaixador egípcio

O responsável máximo dos Serviços de Informação do governo egípcio sublinhou que os videojogos e filmes violentos também são uma das causas do extremismo que assola o Médio Oriente.
"[Tom & Jerry] retratam a violência como algo divertido e passam a mensagem de que é normal bater em alguém e mesmo fazê-lo explodir. Na mente do espectador essa violência torna-se natural", frisou o embaixador, segundo o site Egyptian Streets, na conferência "Os Media e a Cultura da Violência" da Universidade do Cairo.
"Tornou-se normal para um jovem passar muitas horas a jogar videojogos, a matar e a espalhar sangue por todo lado, e ficar contente com isso", disse Sadek.
De relembrar que o Egito tem uma das políticas mais repressivas do Médio Oriente, censurando dezenas de filmes com conteúdo sexual mais explícito.

Sapomag
    Comente pelo Disqus
    Comente pelo Facebook
#Compartilhe