Vendida a R$ 4,40, gasolina mais cara do Ceará está em Quixadá

Embora o preço médio da gasolina venha caindo nas últimas semanas no Ceará, após sucessivos aumentos, existem municípios onde o combustível ainda está muito caro. É o caso de Quixadá, no Sertão Central, onde o litro pode ser encontrado de R$ 3,880 a R$ 4,400, o valor mais elevado entre as cidades pesquisadas pela Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP).
De acordo com o último levantamento semanal da agência (de 8 a 14 de maio), o preço médio da gasolina em Quixadá é de R$ 3,969, uma redução de 1,26% em relação aos R$ 4,020 registrados na pesquisa anterior (de 1º a 7 de maio).
Segundo a ANP, a gasolina mais em conta do Estado está sendo vendida em Fortaleza, onde o preço varia de R$ 3,749 a R$ 3,950. O atual valor médio na Capital cearense é de R$ 3,851, o que representa um leve recuo de 0,02% ante os R$ 3,852 observados de 1º a 7 de maio. Comparando o preço máximo de Quixadá (R$ 4,400) com o mínimo de Fortaleza (R$ 3,749), a diferença é de 17,36%.
No Ceará, o preço médio do combustível está em R$ 3,878, podendo o litro ser comprado de R$ 3,749 até R$ 4,400. Em relação à última pesquisa da ANP, quando estava em R$ 3,876, o atual valor médio da gasolina no Estado está 0,05% mais alto. A agência pesquisou 207 postos no Estado do último dia 8 até este sábado (14). Foram 72 em Fortaleza e nove estabelecimentos em Quixadá.

Diário do Nordeste
    Comente pelo Disqus
    Comente pelo Facebook
#Compartilhe