Pedras, calor e navegação: Hérculo Onofre faz balanço do Enduro do Urânio

Após meses de trabalho na elaboração da logística, captação de recursos, escolha do material promocional e levantamento técnico, chegamos na sexta-feira(dia 03/06) na Academia CFR Academia para o primeiro briefing, Foram feitas e confirmadas as inscrições online, já num clima de muita descontração, acompanhada de um coffee break. No briefing, informações importantes ilustradas com fotos e dados, tudo isso seguindo o cronograma da programação Oficial.

No sábado, a largada foi em frente à praça da Matriz exatamente as 9:00. Antes tivemos uma pequena celebração do padre Fábio, momento de reflexão que emocionou todos ali presentes e fortificou espiritualmente os pilotos a encarar os desafios que viriam pela frente. Os pilotos foram largando em deslocamento até a saída da cidade para enfim começar a competição. O roteiro começou com muitas estradinhas, algumas trilhinhas até a trilhas das Caraúbas. Trilha tradicional onde já passou diversas edições e também o Piocerá 2013. No final, após 8km nessa trilha, saímos dela encontrando um carro de Apoio. Neutro concluído, os pilotos foram para mais estradinhas e trilhinhas até a trilha do Belém, outra também muito tradicional que saí no Assentamento Quixába, ponto do Neutro principal, onde as equipes de poio do pilotos estava apostos onde também a organização disponibilizou carros de apoio, mesa de frutas, agua mineral e energéticos. Dali houve uma separação de categorias, a Rally fez o roteiro de volta para a cidade e as demais foram encarar o grande desafio do dia, uma trilha de 13 km, onde realmente testou se os pilotos estavam em dia com o preparo físico, pois a temperatura estava acima do previsto e as médias justas em trechos subindo e descendo pedras. Poucos pilotos saíram em tempo de parar na volta ao mesmo neutro de outrora, muitos chegaram esgotados, mas com a sensação que o pior do dia já tinha passado. Então, as categorias voltaram para a cidade no mesmo roteiro dos pilotos da Rally, com muitas estradinhas e trilhas de média alta. O dia foram conquistados pelos pilotos Helaindo Onofre na Master, Lauro Lopes na Sênior, Sandro Hoffmann na Over-40, Mateus Fernando na Júnior, Caio Cesar Sales na Novato e Antônio Fagner Viana na categoria Rally.

No Domingo teríamos um dia totalmente inédito, nunca tínhamos nem feito trilha, imagine enduro naquela região. A largada foi no Posto Manduca, na CE 176 as 8:00 da manhã. Motos e pilotos recuperados, o sentimento era de alivio, pois no brinfing os dados técnicos apontavam para dia mais curto e tranquilo. Até o Neutro principal, muitas estradinhas,  trilhas planas, sem muita dificuldade foram o roteiro percorrido até lá. Tudo corria bem até chegar na Serra do Pajé. Os pilotos fizeram Três trilhas curtas, mas desafiadoras, impondo ali que o 2º dia tinha começado realmente. Após esse trecho de serra, os pilotos voltaram para as estradinhas e trilhas de médias até chegar na fazenda Santa Cecilia, a cereja do bolo, o trecho que marcaria a 13º edição do Enduro do Urânio. Um grande Laço dentro de 10km em um raio de 1,5km, com muitos obstáculos, pedras, arvores caídas, subidas e descidas, além de uma navegação fina. Foram uma hora e meia de motos circulando dentro desse trecho, muitos atrasados e alguns perdidos. Ali foram definidos os melhores pilotos do dia e consequentemente os campeões do Enduro do Urânio. Na chegada, de volta ao Posto manduca, os pilotos entregaram os GPS, onde instantaneamente receberam as suas passagens (apuração rápida, precisa e confiável) e foram se prepararem para a premiação. O dia foram conquistados pelos pilotos Helaindo Onofre na Master, Lauro Lopes na Sênior, Paulo Cabral na Over-40, Tafarel Guimarães na Júnior, Francisco Pitombeira na Novato e Antônio Fagner Viana na categoria Rally.

Já na CFR academia, no horário programado, começamos os sorteios dos brindes e inscrições. O ganhador da Inscrição do Enduro da Independência 2016 foi o Lauro Lopes de Teresina, já a inscrição do Piocerá 2017 foi o piloto Caio Cesar Sales e o Pacote de Inscrições do campeonato Cearense oferecido pela Siga Trilheiros foi o piloto Paulo Nagel Diniz. Tambem foram sorteados 3 lavagens e higienização de equipamentos da empresa DLav. Após o protocolo seguido começou enfim a premiação dos campeões, onde receberam os desejados troféus e medalhas. Momento de muita descontração, confraternização e amizade, sentimento que os pilotos levam para suas cidades e estados, confirmando que o Enduro do Urânio é sem dúvidas um ponto de referência, um enduro inovador que busca sempre a integração, um intercâmbio técnico e cultural  entre seus pilotos.

Essa edição do Enduro do Urânio, tivemos muitas dificuldades em captar recursos municipais, Não conseguimos, tivemos que acionar os próprios pilotos para arrecadar o capital necessário para fazer a festa acontecer. Gostaríamos de agradecer as empresas:
• SIGA Trileiro
• Ponto da Pizza e do Lanche
• Fort-Torno
• F5
• Alexandre Motos
• CV Racing
• WM Racing
• Romeu Veiculos
• Protork
• Posto Manduca
• Pilimed
• Thaen Hotel
• Francisco Pitombeira
• Olinto Gominho
• Paulo Nagel
• Paulo Cabral
• Renato Catunda
• Sniper Clube de Tiro

Hérculo Onofre
    Comente pelo Disqus
    Comente pelo Facebook
#Compartilhe