Polícia apreende 1,5 kg de material explosivo no entorno da Arena Castelão

Durante jogo entre Fortaleza e ABC-RN, foi apreendido 1,5 quilos de material explosivo no entorno da Arena Castelão e em bairros da periferia da capital cearense. A apreensão fez parte de ação conjunta do Núcleo do Desporto e Defesa do Torcedor (Nudtor), do Ministério Público do Estado do Ceará, com as Polícias Civil e Militar.
A partida ocorreu no último sábado (18). A ação foi planejada na semana anterior ao evento devido a informações oficiais de que integrantes da torcida do time visitante viriam à Fortaleza em caravana, em aproximadamente sete ônibus.
Eles teriam como ponto de concentração uma das subsedes da torcida organizada Movimento Organizado Força Independente (Mofi), no Bairro Jardim Guanabara. De lá, os torcedores se deslocariam para o Bairro Serrinha antes de irem ao estádio.
O coordenador do Nudtor em exercício, Edvando França, destaca que ações conjuntas preventivas são meios efetivos para reduzir a violência dentro e fora das arenas, e os órgãos da Segurança Pública e o Ministério Público estão unidos no combate à violência no futebol.
“Qualquer torcida organizada que pretende praticar crimes, achando que os órgãos do sistema de Justiça não investigarão ou mesmo não efetuarão as prisões dos envolvidos, terá que rever essa visão, sob pena de arcar com as consequências civis e criminais de seus atos”, enfatiza.

Tribuna do Ceará
    Comente pelo Disqus
    Comente pelo Facebook
#Compartilhe