Seca provoca quebra de safra de 67% no Ceará

Até 30 de maio, um levantamento da Ematerce sobre quebra da safra cearense apontava o seguinte quadro: 67% de perda no geral e 58% só na colheita de grãos.
Esse quadro é consequência da seca, que perdura no Interior do Estado, e que fecha um ciclo de cinco anos.
A informação é do presidente do órgão, Antônio Amorim, adiantando que os números consolidados deverão ser apresentados no começo do próximo mês.

Blog do Eliomar
    Comente pelo Disqus
    Comente pelo Facebook
#Compartilhe