Após ser picado por jararaca, ubajarense morre por falta de soro antiofídico

Antônio Mendes da Silva, 64 anos, residente do Sítio Potós de Cima, zona rural de Ubajara, foi picado por uma cobra jararaca na tarde desta sexta (22), e morreu ontem (23) após não ser medicado com soro antiofídico.
De acordo com a esposa da vítima, após o Sr. Antônio ser picado pela cobra peçonhenta, urgentemente seguiu para o hospital municipal de Ubajara Rita Belarmino da Costa  (Unidade Mista).
Porém, o hospital não disponibilizava o soro antiofídico e a vítima foi encaminhada para a Santa Casa de Sobral, essa instituição também não dispunha do mesmo medicamento. Entretanto, a vítima não resistiu e veio a óbito.
De acordo com o diretor do hospital municipal Dr. Eugênio Freire, em toda a Serra da Ibiapaba está faltando o soro antiofídico, inclusive no regional de Tianguá. E a responsabilidade de fornecimento desse medicamento é do ministério da Saúde através da secretaria do estado. Por essa razão, o paciente foi transferido para a Santa Casa de Misericórdia de Sobral.

Ubajara Notícias
    Comente pelo Disqus
    Comente pelo Facebook
#Compartilhe