TRE mantém condenação ao ex-prefeito Chagas Mesquita

A Corte do Tribunal Regional Eleitoral do Ceará, na sessão desta segunda-feira (18/7), presidida pelo desembargador Abelardo Benevides Moraes, condenou o ex-prefeito de Santa Quitéria, Francisco das Chagas Magalhães Mesquita, por abuso de poder político e conduta vedada, na campanha das eleições de 2012, quando concorreu à reeleição e ficou em 3º lugar na votação.
O recurso tinha por objetivo a modificação da sentença na ação ingressada pela coligação "Santa Quitéria de Volta ao Trabalho" formada pelos partidos, na época, de oposição ao referido candidato. A ação fora conduzida, dentre outros, pelo advogado Dr. Jader Cavalcante, e contou com a participação do Dr. Fernandes Neto. 
Por unanimidade, a Corte do TRE-CE, manteve a sentença de 1º grau, na Ação de Investigação Eleitoral nº 298-33, cuja relatora foi a desembargadora Nailde Pinheiro Nogueira, que condenou  o ex-prefeito a 8 anos de inelegibilidade, a contar da data da eleição de 2012, e multa de 6 mil UFIRs, equivalente a mais de R$ 22 mil.

* Com informações do Ceará Agora.
    Comente pelo Disqus
    Comente pelo Facebook
#Compartilhe