Cearense Luiz Altamir fica na 2ª posição na sua bateria e não se classifica para a próxima fase

O Ceará esteve representado pela primeira vez nesta Olimpíada do Rio, na tarde deste sábado (6), com o nadador Luiz Altamir, nas eliminatórias dos 400m livre. O atleta do Flamengo acabou não fazendo o tempo desejado e ficou fora das finais, que acontecem ainda na noite deste sábado (6).
Altamir, que contou com apoio maciço do público presente na arena, espera se recuperar na próxima terça-feira (9), quando volta à piscina do Estádio Aquático do Parque Olímpico para a disputa do revezamento 4x200m.
Em sua série, após liderar por boa parte do tempo, nos últimos cem metros, Altamir acabou cedendo espaço para o salvadorenho Acosta Jimenez, que venceu a disputa com um tempo de 3min51seg12 contra os 3min50seg32 do roraimense radicado em Fortaleza.
Altamir ficou em 32º lugar geral. Com esse resultado, o atleta fica bem longe de uma final, já que apenas os 8 primeiros colocados, com os menores tempos, conseguem se classificar.
"Esperava muito de mim, estava preparado para fazer abaixo de 3min50. Tenho certeza disso, fiz tudo o que podia fazer nos treinos, estava bem. Só que não saiu hoje. Não estou feliz com meu resultado, mas posso dizer que tirei uma coisa de bom, que foi a experiência", disse um desapontado Luiz, na zona mista, com uma expressão bem diferente daquela com que subiu ao pedestal antes da prova, quando abriu um largo sorriso. "Eu estava exalando felicidade", exclamou, sobre a estreia nos Jogos Olímpicos aos 20 anos. 
Sobre a chance da próxima terça-feira (9), ele se mantém confiante: "Foi uma decepção muito grande (hoje), mas tenho o 4x200 no dia 9 e não posso desistir agora. Só começou".

Pery Negreiros
    Comente pelo Disqus
    Comente pelo Facebook
#Compartilhe