Morre aos 76 anos, o deputado estadual Professor Teodoro

O deputado estadual Professor Teodoro (PSD) faleceu, às 7h45 da manhã desta quinta (18), após passar mais de dez dias internado em estado gravíssimo em um hospital particular de Fortaleza. O parlamentar deu entrada na unidade hospitalar em virtude de forte pneumonia.
A saúde de Teodoro já estava fragilizada. Com 76 anos de idade, ele enfrentava problemas decorrentes de doenças como diabetes e câncer. Já tinha passado por cirurgias para ponte de safena, e tinha insuficiência cardíaca. Os primeiros exames realizados após internação, no último dia 7 deste mês, constataram que os rins do deputado estavam parando. Na Unidade de Terapia Intensiva, recebeu visitas de parentes e amigos, principalmente no último final de semana, quando se espalhou em redes sociais rumores de que ele havia morrido.
Professor Teodoro era suplente de deputado e seria efetivado após a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) pela admissibilidade dos votos obtidos por José Rocha Neto, o Rochinha, na campanha à Assembleia na eleição de 2014, tirando o peemedebista Audic Mota da Casa.
O velório será realizado ainda pela manhã na Assembleia Legislativa do Ceará. Posteriormente, o corpo será levado para a Universidade Estadual Vale do Acaraú, onde também será velado. De lá, seguirá para ser sepultado na cidade de Reriutaba, local de nascimento.
Nascido em 28 de dezembro de 1940, José Teodoro Soares fazia parte de uma tradicional família política da região Norte. Seu avô, coronel José Theodoro Soares, fundou a então cidade de Santa Cruz do Norte, que se chamaria depois de Reriutaba.

Carreira política
José Teodoro Soares foi eleito deputado pela primeira vez em 2006 pelo Partido da Social Democracia Brasileira (PSDB). Nas eleições de 2010, ficou com uma vaga na suplência, assumindo o mandato em 2011 e se efetivando no final de 2012. Em 2014, voltou a ocupar a suplência, assumindo o mandato em 2015 pelo Partido Social Democrático (PSD).
Com trajetória ligada à defesa da educação, Professor Teodoro era membro das academias Cearense de Ciências Sociais; Sobralense de Letras; e de Letras dos Municípios do Ceará. Também já foi reitor da Universidade Estadual Vale do Acaraú (UVA), entre 1990 e 2006, e da Universidade Regional do Cariri (Urca), de 1987 a 1990. Atualmente Professor Teodoro era presidente da Universidade do Parlamento Cearense (Unipace) e docente da Universidade Estadual do Ceará (Uece).
Casado por 36 anos com a professora e escritora Maria Norma Maia Soares, que morreu em julho de 2014. Ela foi presidente do Movimento das Mulheres do Legislativo Cearense entre 2008 e 2014.

Diário do Nordeste
    Comente pelo Disqus
    Comente pelo Facebook
#Compartilhe