Policial é sepultado em clima de emoção em Senador Pompeu

O corpo do inspetor da Polícia Civil de Senador Pompeu, José Cláudio Nogueira, 51 anos, foi sepultado na manhã desta segunda-feira (22). O sepultamento aconteceu em um cemitério do distrito de Lacerda, na zona rural de Senador Pompeu.
Familiares de José Cláudio e amigos da Corporação acompanharam o cortejo fúnebre do policial. Viaturas da Polícia Civil e Militar de cidades vizinhas da região também acompanharam a carreata que seguiu até o cemitério. Houve muita emoção.

O caso
José Cláudio foi morto na madrugada do último domingo (21). De acordo com as informações da Polícia, o inspetor foi morto com sete tiros na localidade de Inhazé, zona rural de Senador. Ele viajava de Senador Pompeu para Quixeramobim pela CE-166 na companhia da esposa, em um carro. A mulher dirigia o veículo enquanto ele viajava no banco do carona. Em depoimento, a mulher disse que dois homens em uma moto, armados, se aproximaram do veículo quando ela reduziu a velocidade para passar por uma quebra-mola. Um deles sacou a arma, encostou a moto no carro, e passou a disparar contra Cláudio. Após o crime, os bandidos fugiram.
José Cláudio foi levado para o Hospital e Maternidade Santa Isabel em Senador Pompeu mas morreu ao chegar na unidade de saúde. A equipe médica confirmou que os tiros atingiram o tórax do policial civil.
De acordo com o delegado titular da Delegacia Regional de Polícia Civil (DRPC) de Senador Pompeu, Jéferson Lopes Custódio, duas linhas de investigação são apuradas. “A gente não descarta nada. A história é um verdadeiro quebra-cabeça e estamos montando as peças. Em pouco tempo conseguimos avançar e as coisas estão começando a se encaixar”, declarou o delegado.
A vítima estava licenciada e disputava a eleição para vereador no município de Quixeramobim. É o 18º policial morto neste ano.

Diário Sertão Central
    Comente pelo Disqus
    Comente pelo Facebook
#Compartilhe