Sarah Menezes e Kitadai perdem na repescagem e dão adeus aos Jogos do Rio

A piauiense Sarah Menezes foi eliminada na repescagens. Urantsetseg Munkhbat, da Mongólia, foi parada duríssima para a brasileira. Ela tentou duas chaves de braço e, na terceira, encaixou o golpe que obrigou a brasileira a desistir. Sarah saiu chorando, amparada pelo médico e pela técnica da seleção feminina, Rosicleia Campos.
No início da luta, Sarah tentou encaixar um golpe com a adversária caída no chão, mas árbitro paralisou e pediu para que as duas se levantassem.
Perigosa, Munkhbat quase encaixou uma chave de braço na brasileira. Sarah, no entanto, conseguiu escapar.
No final dos quatro minutos, Munkhbat encaixa a chave de braço, mas o tempo acaba antes que Sarah bata. A luta foi para o Golden Score, onde quem pontuar ganha.
No Golden Score a mongol conseguiu encaixar uma chave de braço, e Sarah bateu, perdendo por ippon.
Após a derrota, Sarah ficou jogada no tatame, completamente abatida e com dores, e sequer se levantava para o encerramento formal da luta. O médico sobiu ao tatame para ajudar a lutadora. Torcida entendeu o esforço de Sarah e a aplaudiu, mas a atual campeã olímpica encerra sua participação sem medalha na Rio 2016.A campeã olímpica sai aplaudida. Fim da linha pra piauiense no Rio.
Sarah Menezes sofreu uma luxação no cotovelo direito, foi atendida pela equipe médica logo após a luta, mas foi encaminhada à Policlínica da Vila Olímpica. Ela não vai conceder entrevista coletiva neste sábado.

Kitadai também eliminado
Lutador do Uzbequistão consegue aplicar um Ippon em Felipe Kitadai, que é derrotado e, a exemplo de Sarah Menezes, encerra sua participação na Olimpíada Rio 2016. Ele fica na beira do tatame, aparentemente desacreditado, mas recebe prontamente o apoio da torcida.

Redação Web
    Comente pelo Disqus
    Comente pelo Facebook
#Compartilhe