Ceará terá mais R$ 2,6 bilhões para 28 obras hídricas

O governo federal anunciou, nesta quinta-feira (8), o envio de R$ 2,6 bilhões para o Ceará, a serem aplicados em 28 obras hídricas sob responsabilidade do governo estadual, dentro das ações para convívio com a seca. Segundo o Ministério da Integração Nacional, cabe ao Estado realizar as licitações e executar os serviços.
Metade destas obras estruturantes já estariam concluídas, de acordo com o órgão. Outras 5 estão em andamento, 7 em licitação, uma em fase final de conclusão e outra na fase de elaboração de projetos. Ao todo, mais de 100 municípios do Ceará devem ser beneficiados com as intervenções.
O governo federal também anunciou o envio de outros R$ 40 milhões destinados a obras emergenciais, que incluem a construção de 10 adutoras de abastecimento de água em municípios cearenses. O ministério corrigiu a lista de cidade beneficiadas, pois havia divulgado cidades do Rio Grande do Norte. São elas: Pereiro, Uruoca, São Luiz do Curú, São Gonçalo, Tamboril, Iracema, Apuiarés, Ocara, Morada Nova, Xorozinho, Orós e Jaguaribara. 
Ainda conforme o Ministério da Integração Nacional, os Trechos IV e V do Eixão das Águas estão beneficiando 4,2 milhões de habitantes. Já o trecho I do Cinturão das Águas, ainda em execução, prevê beneficiar 561 mil pessoas em 24 municípios. 
O projeto de Integração do Rio São Francisco, de acordo com o governo, está em sua fase final, com 89,2% de conclusão, sendo 90,3% no Eixo Norte e 87,6% no Eixo Leste. A previsão é de que o projeto seja entregue em dezembro deste ano e a distribuição aconteça ao longo de 2017.

Diário do Nordeste
    Comente pelo Disqus
    Comente pelo Facebook
#Compartilhe