Ciclista iraniano morre após acidente em prova de ciclismo nas Paralimpíadas

O ciclista iraniano Bahman Golbarnezhad, de 48 anos, faleceu neste sábado (17) durante uma prova de ciclismo de estrada C4-5, nas Paralimpíadas do Rio. A informação foi confirmada pelo Comitê Paralímpico do Irã.
O acidente aconteceu após o atleta cair durante uma das descidas do trajeto e bater a cabeça no chão. Apesar do atendimento prestado imediatamente pela equipe de emergência, o ciclista não suportou a gravidade do impacto e acabou falecendo antes mesmo de chegar ao hospital.
Essa era a sua segunda paralimpíada (o iraniano também disputou os Jogos de Londres) e sua segunda participação nos jogos do Rio. Golbarnezhad já havia participado da prova de ciclismo contrarrelógio C4, na quarta-feira, conquistando o 14º lugar. A categoria que Bahman disputada era voltada para atletas amputados ou com problemas neurológicos.
 
Brasileiro no pódio
A prova foi vencida pelo holandês Daniel Gebru, que completou o percurso com 2h13m08. O brasileiro Lauro Chaman conquistou a prata, com o tempo de 2h14m46s. Essa é a segunda medalha do Lauro nas Paralimpíada do Rio, que já tinha faturado o bronze na prova contrarrelógio C5 na última quarta-feira (14).

Redação Web
    Comente pelo Disqus
    Comente pelo Facebook
#Compartilhe