Trabalhador do Ceará tem 3º pior salário médio

Os trabalhadores do Ceará tiveram o terceiro pior salário médio do País, no segundo trimestre deste ano, equivalente a R$1.296,3, ficando na frente apenas da Bahia (R$ 1.285,1) e do Maranhão (R$ 1.071,6). É o que aponta um estudo divulgado ontem pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), com base em dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (Pnad Contínua). Já a taxa de desemprego do Ceará chegou a 11,45% no 2º trimestre de 2016.
Em comparação com o primeiro trimestre de 2016 - de 10,77% - houve uma alta de 0,68 ponto percentual, na taxa de desocupação. Já em igual período do ano anterior, a taxa de desemprego era de 8,81%. Isso quer dizer no acumulado de 12 meses houve uma alta de 2,64 pontos percentuais.
O Estado têm a nona maior taxa de desemprego do País. Atrás do Amazonas, Maranhão, Rio Grande do Norte, Pernambuco, Alagoas, Sergipe, Bahia, Espírito Santo e São Paulo.

Diário do Nordeste
    Comente pelo Disqus
    Comente pelo Facebook
#Compartilhe