Bode 90 conquista mais de 2 mil votos mesmo desaparecido

Mesmo desaparecido, o Bode 90 conseguiu angariar mais de 2 mil votos.  Ele surgiu como voto de protesto à candidatura única na prefeitura de Jati, município situado a 525 quilômetros de Fortaleza.
Em entrevista a rádio Jangadeiro FM, o dono do animal Dr. Jarbas avaliou como positivo o resultado deste domingo. “Ficamos um pouco ressentido por causa do desaparecimento do bode, não sabemos o que foi feito dele e eu creio que a polícia fará alguma coisa nesse sentido. Mas estamos satisfeitos por causa da votação, que consideramos expressiva, onde a candidata tirou 3.971 votos e o Bode 90 tirou 2.294”, disse.
No município de Jati, a prefeita Maria de Jesus (PSD), conhecida como Neta, foi reeleita. Ao todo, foram 1.533 votos anulados, 229 brancos e 532 abstenções. A candidatura do animal fazia oposição à postulante pelo PSD. O município conta hoje com cerca de 6 mil eleitores. 

Desaparecimento
O Bode 90 sumiu no dia 26 de setembro. A polícia acredita que o animal tenha sito vítima de um crime político. O dono do animal relatou que existem especulações que o sumiço do animal tenha relação com a política, já que na região da fazenda onde ele repousava, após cumprir sua agenda eleitoral, nunca haviam sido registrados casos de roubo de animais.
“Ele era bem assediado pelos eleitores. Tinha umas pessoas que não aceitam esse tipo de administração que acontece na nossa terra. O sumiço do bode pode ter uma ligação política. Não é comum ter esse tipo de roubo e não temos esse histórico. Deve ter sido algo premeditado.

Tribuna do Ceará
    Comente pelo Disqus
    Comente pelo Facebook
#Compartilhe