Publicidade

Desembargador concede indenização para ele mesmo no Rio

O desembargador Poul Erik Dyrlund, presidente do Tribunal Regional Federal da 2ª Região, concedeu uma indenização para ele mesmo, segundo informou a revista Veja. 
De acordo com a publicação, o magistrado assinou em janeiro deste ano um documento que prevê que ele seja indenizado por 60 dias de férias não tiradas.
Para o desembargador, não há Dyrlund conflito de interesse na solicitação da indenização. Ele diz, segundo a Veja, que já pediu o pedido da verba para outros magistrados em casos semelhantes.

Notícias ao Minuto
    Comente pelo Disqus
    Comente pelo Facebook
#Compartilhe