Governo Estadual vai buscar em casa alunos que abandonaram o ensino médio

Os estudantes da rede de ensino municipal que concluíram a nona série e abandonaram o ensino médio, ainda no primeiro ano, agora vão ser "buscados" em casa por um grupo de professores e membros da sociedade civil. A ação é uma das medidas da Secretaria da Educação do Ceará (Seduc) para reduzir os números de evasão escolar. A informação foi dada pelo titular da Pasta, Idilvan Alencar, durante o lançamento do programa #ChegueiEnsinoMédio, na manhã desta sexta-feira (27), no Centro de Eventos do Ceará. 
Segundo o titular da Seduc, a medida já deve começar nesta semana, período de inicio das aulas na rede do Estado. De acordo com levantamento da Pasta, em 2007, do total de alunos que se matriculavam no primeiro ano do ensino médio o número de 20% abandonaram a escola. Em 2015, o Estado conseguiu reduzir esse dado para 10,5%. 
Na nova estratégia da Pasta, os Centros Escolares espalhados por diversos municípios cearenses vão cruzar dados de matrículas das redes de ensino dos municípios e Estado com o intuito de localizar os estudantes.  
O Governo do Estado ainda não detalhou como será o procedimento para "buscar" os alunos. A expectativa é de que o plano seja detalhado durante o lançamento do #ChegueiEnsinoMédio.

Diário do Nordeste
    Comente pelo Disqus
    Comente pelo Facebook
#Compartilhe