Publicidade

Prefeito é chantageado por criminosos, deixa a cidade e ameaça renunciar

O prefeito do Município de São João do Jaguaribe (a 220Km de Fortaleza), Acácio Chaves, deixou a cidade nesta quinta-feira (23) e pode renunciar ao cargo logo após o feriadão do Carnaval. Motivo: está sendo chantageado e ameaçado de morte por bandidos daquela região.
Segundo informações que circulam na cidade, além do prefeito, as ameaças e chantagens já atingiram várias pessoas dali, entre comerciantes, empresários e até simples aposentados. Criminosos, ainda não identificados, estariam exigindo quantias que chegam a até R$ 15 mil.
A mais recente investida dos bandidos foi o prefeito, que teria decidido de afastar das atividades temporariamente temendo por sua vida e a de sua família.  A Polícia já estaria investigando o caso.

Mortes
A violência em São João do Jaguaribe deixou, ao menos, dois vereadores mortos no ano passado. Crimes de pistolagem que ainda estão sendo apurados pelas autoridades.
O  primeiro crime ocorreu no dia 5 de setembro, quando o vereador e candidato à reeleição, José Elbio de Almeida Chaves, 39 anos, o “Elbinho”, filiado ao PPS, foi morto, a tiros de escopeta calibre 12 e pistolas,  por pistoleiros, em pleno Centro da cidade.
Já no dia 27 de dezembro, o  vereador e presidente da Câmara Municipal de São João do Jaguaribe, Francisco Anaílde Chaves (PDT), presidente da Câmara Municipal de São João do Jaguaribe, também  foi assassinado em um crime com características de execução sumária, praticadas por matadores de aluguel (pistoleiros).

Ceará News 7
    Comente pelo Disqus
    Comente pelo Facebook
#Compartilhe