PRF apreende carreta transportando avião em Canindé

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu, na tarde desta terça-feira (21), uma carreta que transportava um avião, próximo do km 310 da BR-020, no município de Canindé. A sucata da aeronave Boeing 737-53A estava sendo levada irregularmente. Veículo e carga foram apreendidos pelos agentes. 
Durante a ação, foi constatado pelos policiais que o veículo estava portando placa de sinalização de dimensões em desacordo com as normas do Conselho Nacional de Trânsito (Contran). Já a aeronave tinha dimensões em excesso para carga e exigia uma Autorização Especial de Trânsito (AET), emitida pelo Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit), para ser transportada. As infrações serão aplicadas ao proprietário da carreta.
Com as irregulares e sem a documentação correta, a carreta e a carga foram retidas e levadas ao depósito da PRF, em Canindé, até que a empresa responsável apresente documentação necessária para liberação. O motorista da carreta informou que a aeronave foi comprada como sucata, e estava sendo transportada para o Paraná.

O modelo
A sucata apreendida era de um Boeing 737-500, com capacidade para até 140 passageiros em sua configuração clássica. O sufixo 3A indica que a primeira compradora do avião fez um leasing para adquirir o bem. Com pintura da empresa ATA Brasil, a PRF não soube informar se foi a própria companhia que vendeu a sucata ou se ela já pertencia à outra empresa. Informações do comprador e da cidade de destino também não foram divulgadas.

Redação Web
    Comente pelo Disqus
    Comente pelo Facebook
#Compartilhe