Alemã Fraport é nova concessionária do Aeroporto de Fortaleza

Com o lance de R$ 425 milhões, o grupo alemão Fraport arrematou o Aeroporto Internacional de Fortaleza - Pinto Martins. A disputa foi acirrada com a francesa Vinci, que chegou a apresentar dois lances para arrematar o terminal cearense. Ágio foi de 18%.
Antes da disputa por viva voz, a Fraport havia apresentado o lance de R$ 403.230.346,00 e a Vinci, de R$ 385.230.346,00. 
Fraport levou os terminais de Fortaleza e Porto Alegre (R$ 290,5 milhões, ágio de 852,12%), os mais disputados. A oferta inicial mínima para Fortaleza era de R$ 360 milhões e para Porto Alegre, de R$ 31 milhões.

Quem ficou com o aeroporto de Salvador foi a francesa Vinci, com uma oferta de R$ 660 milhões e ágio de 113,25%.A oferta mínima para Salvador era de R$ 310 milhões.
A suíça Zurich levou o projeto de Florianópolis, com uma oferta de R$ 83 milhões (ágio de 58%). A proposta inicial mínima era de R$ 53 milhões.
O ágio dos quatro aeroportos foi calculado em 93,75%.
Leilão aconteceu na BM&FBovespa, em São Paulo. O governador Camilo Santana e o prefeito Roberto Cláudio acompanharam a sessão.
Valor de arrecadação global, para a assinatura dos contratos, foi de R$ 1,459 bilhão. O valor total da outorga arrecadado pelo governo federal com os quatro aeroportos foi de R$ 3,719 bilhões.

Estadão Conteúdo
    Comente pelo Disqus
    Comente pelo Facebook
#Compartilhe