Publicidade

Contas inativas do FGTS aparecem zeradas para quem vai sacar no dia 10

Os trabalhadores com data de nascimento de janeiro e fevereiro, cujo saque das contas inativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) começa nesta sexta-feira (10), já encontram seu saldo zerado ao consultar os dados através do site ou do aplicativo da Caixa Econômica Federal (CEF).
De acordo com o diretor executivo do FGTS da Caixa, Valter Nunes, a falha ocorre porque os canais do banco utilizam informações da base de dados do Fundo de Garantia, mas por “questões operacionais” a instituição financeira já liberou o dinheiro para o saque do trabalhador.
Segundo ele, apesar de o saldo constar como zerado, o trabalhador que tiver a conta inativa não será prejudicado e poderá efetuar o saque normalmente. Valter Nunes orienta o trabalhador a buscar uma agência em caso de dúvidas. As informações são do jornal O Globo.
"É bom esclarecer este fato sobre as contas que zeraram e a dúvida sobre o sumiço do saldo. Nas rotinas normais de saque, a gente procede o débito alguns dias antes do pagamento. A conta é liberada no sistema bancário para quando o cliente chegar à agência tenha condições de sacar. Como o volume agora é expressivo, nós começamos a fazer este procedimento antes. Logo após o carnaval, para as contas que vão ter liberação a partir de 10 de março, começamos a fazer os débitos das contas do Fundo de Garantia.
Os sistemas de acompanhamento, o aplicativo e o site, vão buscar as informações na base do Fundo de Garantia. Quando a pessoa entra hoje, ela encontra (a conta) zerada porque o dinheiro saiu da base do fundo de garantia e entrou na base no sistema bancarío da Caixa e está liberado", explicou o diretor executivo do FGTS da Caixa, Valter Nunes.

Diário do Nordeste
    Comente pelo Disqus
    Comente pelo Facebook
#Compartilhe