Corredor morre atingido por coqueiro em prova no Espírito Santo

O corpo do corredor Wagner Carneiro Leão, 39 anos, que morreu ao ser atingido por um coqueiro durante a prova de obstáculos em Vila Velha, no Espírito Santo, deve chegar para ser enterrado no Rio de Janeiro ainda neste domingo (19).
Wagner Carneiro participava da King`s Race - prova com 15 obstáculos em um trajeto de 5 km de corrida, quando foi atingido pelo coqueiro no último sábado (18), às 10h30min, que dava suporte a uma rede usada como quinto obstáculo da prova.
“Foi uma fatalidade. Estamos dando auxílio à família e não temos cabeça para pensar em mais nada”, relata Hugo Sonegeth, um dos organizadores da terceira edição do evento esportivo.
Wagner era músico, maestro e regente de um grupo vocal. "Tem uns seis meses que ele começou a correr. Antes se dedicava totalmente à música. Estava acima do peso e começou a correr para entrar em forma", afirma a amiga de Wagner, Celma Villela, em entrevista ao Gazeta Online.

Redação Web
    Comente pelo Disqus
    Comente pelo Facebook
#Compartilhe