Publicidade

Homem gasta quase metade do FGTS de R$ 15 mil com festas e quer usar o resto em Fortaleza

O tecnólogo de 63 anos Jurandir Izidorio Silva recebeu R$ 15 mil que tinha em contas inativas do FGTS. Nascido em janeiro, ele tirou o dinheiro no primeiro dia de liberação, no dia 10 de março, em São Paulo.
Assim que saiu da agência, ligou para a namorada e a convidou para viajar para o Guarujá, no litoral paulista. Lá, a dupla gastou R$ 7 mil em três dias.
"Hotel, janta, dançando coladinho na boate. Fui passado tudo no débito. Não quis nem saber. Quando tirei o extrato na segunda, deu ruim. Foram sete paus", explica o homem, em entrevista ao portal Uol.
Mesmo gastando bastante dinheiro em pouco tempo, Jurandir tem planos. Ele pretende viajar para Fortaleza, dessa vez solteiro. "Lá é sol o ano todo. Ficar por lá. Dar um chapéu na coroa aí, e eu vou sozinho", contou.
Os R$ 15 mil do homem estavam em 16 contas do FGTS, conseguidos ao longo de 38 anos de trabalho.
Na última sexta-feira (17), Jurandir retornou à Caixa Econômica para pedir a liberação de R$ 1.724 referentes ao PIS. "Não quero deixar nada para o governo. Vou 'rapar' tudo", finalizou.

Redação Web
    Comente pelo Disqus
    Comente pelo Facebook
#Compartilhe