Mãe de menina de 11 anos grávida diz que bebê irá para adoção

A mãe da menina de 11 anos que ficou grávida após ter sido estuprada afirmou que seu neto será colocado para a adoção. O ex-padrasto da criança é o principal suspeito dos abusos sexuais. Em depoimento para a Polícia Civil do Maranhão, a mãe também contou que ela e a filha eram ameaçadas de morte pelo seu ex-parceiro. 
“A mãe já veio com o desejo de levar a gravidez a termo, ela é responsável pela filha. Ela disse que após o nascimento vai encaminhar a criança para a lista de adoção. As duas estão muito abaladas. O suspeito era usuário de drogas e cometia violência doméstica contra a mãe”, contou Ingrid Albuquerque, delegada responsável pelo caso.
De acordo com o G1, o caso repercutiu nesta quarta-feira (8) após o Serviço de Atenção às Mulheres Vítimas de Violência Sexual em Teresina (SAMVVIS) informar não interromperia a gravidez da menina.

Notícias ao Minuto
    Comente pelo Disqus
    Comente pelo Facebook
#Compartilhe