Exportação de carne sobe 9% apesar da operação da PF, diz ministério

O desempenho das vendas de carnes brasileiras para outros países tem sido melhor do que a expectativa, afirmou nesta segunda-feira (3), o Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços (MDIC), Herlon Brandão. Cresceu 9% em março, em relação ao mês passado.
O resultado positivo ocorreu apesar da Operação Carne Fraca, deflagrada em 17 de março, e das restrições à importação da carne brasileira adotadas por alguns países logo após a divulgação das suspeitas, que incluiam corrupção de fiscais agropecuários e venda de carne estragada.
Segundo o MDIC, a exportação de carnes de frango, bovina e suína, juntas, somaram US$ 1,34 bilhão em março. No mesmo mês de 2016, foram de US$ 1,23 bilhão. Os valores consideram os embarques de carnes in natura e processadas.
O governo tomou todas as medidas necessárias para não perder nenhum mercado comprador. Após um breve susto observado no começo da quarta semana de março, quando houve uma queda na média diária do setor, os embarques já se normalizaram. Enviamos carnes para 137 países neste mês”, destacou o diretor do Departamento de Estatística e Apoio à Exportação, Herlon Brandão.

Estadão Conteúdo
    Comente pelo Disqus
    Comente pelo Facebook
#Compartilhe