Publicidade

Solto um dos acusados na Operação Viúvo Negro

Foi solto nesta quinta (20), P.L.M.F um dos acusados da Operação Viúvo Negro, desencadeada no último dia 07 pela Polícia Federal e Ministério Público Federal.
A operação investiga falsas concessões de pensões por morte junto às agências do INSS no Ceará, especificamente em Santa Quitéria, Reriutaba, Fortaleza e Região Metropolitana.
A defesa do empresário, composta pelos advogados Leandro Vasques, Holanda Segundo, Thiago Rocha e Jader Cavalcante, ingressou junto à 12ª Vara Federal de Fortaleza, pedido de revogação da prisão preventiva e alternativamente, de liberdade provisória.
Por sua vez, o Ministério Público apresentou parecer favorável à revogação da prisão preventiva, por considerar desnecessária a aplicação da medida constritiva de liberdade, já que a pena máxima do crime em tese praticado é de 5 anos de reclusão, o que acarretaria uma pena cumprida em regime diverso do fechado.
O juiz Dartanhan Vercingetórix de Araújo e Rocha considerou em sua decisão, que o réu em liberdade não ofereceria risco a garantia da ordem pública, nem tampouco prejudicará a aplicação da lei, ou mesmo a instrução processual.

Nota enviada por Vasques Advogados Associados, sendo o conteúdo acima de sua total responsabilidade.
    Comente pelo Disqus
    Comente pelo Facebook
#Compartilhe