Procuradoria pede ao STF prisão de Aécio Neves

A Procuradoria-Geral da República pediu ao Supremo Tribunal Federal, na manhã desta quinta-feira (18), a prisão do senador e presidente nacional do PSDB, Aécio Neves.
A informação foi veiculada na Globo News.
O ministro Edson Fachin, que é relator da Operação Lava Jato no STF, encaminhou a decisão para o plenário do Supremo.
Mais cedo Fachin determinou o afastamento de Aécio do mandato de senador da República. Endereços ligados ao parlamentar tucano também são alvo de mandados de busca e apreensão no Rio de Janeiro e em Brasília.
Aécio foi citado na delação dos empresários da JBS, que afirmaram ter uma gravação onde o tucano pede R$ 2 milhões em propina para custear advogados nos processos no âmbito da Operação Lava Jato.

Redação Web
    Comente pelo Disqus
    Comente pelo Facebook
#Compartilhe