Durante entrevista, Lula afirma: “Se eu for condenado, não vale a pena ser honesto no Brasil”

Nesta terça-feira, 27, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, durante entrevista à Rádio Itatiaia, em Minas Gerais, afirmou que, se ele for condenado na Lava Jato, “não vale a pena ser honesto no Brasil”.
Ele foi indagado sobre uma possível condenação em uma das ações  penais que está nas mãos do juiz federal Sério Moro, responsável pelos processos relativos à Operação Lava Jato na primeira instância.
“[…] se tiver uma decisão que não seja a minha inocência […] Eu quero dizer para você que não vale a pena ser honesto neste país. E quero dizer que não vale a pena você ser inocente, porque ser inocente é você não dar aos acusadores o direito de prova. Então, eles ficam nervosos e vão te acusar mesmo que não tenham provas”, disse.

UOL
    Comente pelo Disqus
    Comente pelo Facebook
#Compartilhe