Relatório de Benjamin até 'fez perder a saúde', ironiza Admar Gonzaga

Divergindo de Admar Gonzaga sobre o uso dos depoimentos de Marcelo Odebrecht no processo, Herman Benjamin disse que ainda não tinha compartilhado o mérito de seu voto porque pretendia examiná-lo "item por item" na sessão.
Gonzaga havia questionado o relator se ele acreditava que os valores de doações da empreiteira, legais ou ilícitas, à chapa Dilma-Temer se referiam às eleições de 2014.
Benjamin afirmou que sim, e que "todos os dados estão disponibilizados em tempo real para os ministros": "Se Vossa Excelência tiver algum documento que diga o oposto, de que esses valores não eram para a utilização da campanha de 2014, por favor, os apresente", disse a Gonzaga.
O colega respondeu que não era ele quem deveria ter os documentos -"não sou parte, sou julgador"- e que se baseou no relatório de Benjamin, "um trabalho elogiável".
"Até te fez perder a saúde, parte dela, pelo menos", ironizou Gonzaga. Benjamin está resfriado.

Folhapress
    Comente pelo Disqus
    Comente pelo Facebook
#Compartilhe