STJ decide se papagaio Leozinho poderá morar com sua dona na Paraíba

O Supremo Tribunal de Justiça decidiu que um papagaio chamado Leozinho deverá permanecer com a dona, a senhora Izaura Dantas, 94, que mora em Cajazeiras - PB. Em 2010 , um fiscal do Ibama lavrou um auto de infração com a intenção de retirar o animal de casa.
A história foi contada pelo jornal Folha de S. Paulo esta semana. 
Leozinho vive na cozinha de dona Izaura há muitos anos, os dois moram sozinhos e, com a convivência, o animal chama a idosa pelo nome, Ao risco de perder o seu companheiro, Izaura teve uma crise de hipertensão e precisou ser socorrida. 
Os sobrinhos de dona Izaura conseguiram uma liminar que garantiu a posse do papagaio à sua dona. O Ibama recorreu mas não obteve sucesso. O caso chegou no Supremo Tribunal Regional no Recife, que manteve a decisão da primeira instância. Após isso, a disputa foi discussão no Supremo Tribunal de Justiça, em Brasília, que decidiu em favor da idosa. 
"Quando afastado do dono, o papagaio morre de depressão", argumentou o ministro Og Fernandes. Com isso, o STJ decidiu que Leozinho continue a morar com sua dona.
    Comente pelo Disqus
    Comente pelo Facebook
#Compartilhe