Funcionário da JBS morre ao cair em processador de aves em fábrica no DF

A polícia de Samambaia, no Distrito Federal, investiga um acidente de trabalho que matou um funcionário de 51 anos na fábrica da JBS, na madrugada de quarta-feira (30). De acordo com nota divulgada pela empresa, o acidente aconteceu enquanto José Eudes Ferreira da Rocha fazia a higienização de um equipamento.
Segundo o Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência), que foi acionado por volta das 3 horas, Rocha caiu em uma máquina de processamento de aves. A fábrica está fechada nesta quarta-feira para que uma equipe interna, junto com autoridades competentes, investiguem as causas do acidente e tomem providências.
Em nota, a companhia lamenta o ocorrido e afirma que busca prestar todo o apoio necessário à família da vítima. "A empresa lamenta profundamente, se solidariza com a família do colaborador e já está prestando todo apoio necessário", disse.
Relatos de testemunhas à polícia dão conta de que outros funcionários procuraram pela vítima na máquina de processamento que ela operava, mas quando chegaram a acharam presa ao equipamento por um dos braços e pela cabeça.
Imediatamente desligaram a máquina para tentar socorrê-lo, mas Rocha teve ferimentos graves no braço esquerdo, na cervical e nas costas. Os brigadistas da empresa prestaram os primeiros socorros e quando a equipe do Samu chegou, ele já sofria parada cardiorrespiratória. A equipe tentou manobras de reanimação, mas ele não resistiu.
O Ministério Público do Trabalho no Distrito Federal informou que também vai investigar os fatos.

UOL
    Comente pelo Disqus
    Comente pelo Facebook
#Compartilhe