Polícia prende 5 envolvidos no roubo a banco em Novo Oriente; grupo estava em Morada Nova

Uma operação conjunta da Polícia Militar (PM), por meio do Comando Tático Rural (Cotar), e da Polícia Civil, através da Delegacia de Roubos e Furtos (DRF), prendeu, na noite desta quinta-feira (21), cinco homens envolvidos na explosão e roubo de uma agência bancária do município de Novo Oriente, na madrugada da última quarta-feira (20). Os suspeitos estavam em um hotel em Morada Nova, na região do Baixo Jaguaribe, e, segundo os agentes de segurança, já planejavam um novo ataque.
De acordo com o comandante do Batalhão de Choque (BPChoque), Henrique Bezerra, a PM recebeu a informação de que os suspeitos, que também abriram fogo contra a delegacia de Novo Oriente e roubaram um loja de equipamentos eletrônicos na ocasião, deram entrada em um hotel em Morada Nova. Prontamente, diz, o Cotar foi acionado e fez um cerco ao local, culminando na prisão de cinco homens. Outros suspeitos conseguiram fugir.
"Eles foram encontrados com pistolas .40 e revólveres, além de muito dinheiro queimado, o que deixa claro o envolvimento na explosão do banco. A partir de agora, a DRF, através do doutor (Raphael) Vilarinho, vai continuar as investigações para identificar o restante do grupo", informou Henrique Bezerra.

Suspeitos identificados
Os cinco homens presos nesta quinta foram identificados como: Edson Erisson Silva Freitas, de 19 anos, que já responde por tentativa de crime contra a administração pública; Francisco George Constantino de Oliveira, de 29 anos, que também responde por porte ilegal de arma de fogo, roubo, receptação e tráfico de drogas; Hideljackson Florencio Sales (19), que responde por tráfico de drogas; e Acelio Saraiva Filho (19) e Mateus Nobre Rabelo (20), ambos sem antecedentes criminais.
"Posteriormente à prisão dos cinco indivíduos, identificamos mais dois suspeitos de envolvimento na ação criminosa e vamos realizar todas as diligências para capturá-los. Nos chamou a atenção o fato de serem pessoas muito novas, na faixa dos 20 anos, já praticando crimes de grande violência e gravidade. Um deles está envolvido até na morte de um policial", disse o delegado Raphael Vilarinho, titular da DRF.
Ainda segundo a Polícia Civil, além do dinheiro e do armamento apreendido, os suspeitos também estavam com vários aparelhos eletrônicos roubados de uma loja em Novo Oriente. Alguns celulares, inclusive, ainda estavam lacrados, na caixa.

Diário do Nordeste
Cadernos:
[disqus][facebook]

MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget