Deputada Aderlânia Noronha cria projeto de incentivo à literatura digital no Ceará

A deputada Aderlânia Noronha (SD) apresentou à Assembleia Legislativa, nesta quarta-feira (25), projeto que institui a Política Estadual de Incentivo e Fomento à Literatura Digital no Estado do Ceará.
De acordo com a parlamentar, o projeto incentivará a Literatura Digital, através da produção e ampla divulgação de obras literárias feitas especialmente para mídias digitais, com o uso de ferramentas próprias das novas tecnologias, como animações, multimídia, hipertexto, construção colaborativa.
“O mundo digital é um ambiente que desperta um enorme interesse em crianças que nunca o utilizaram, mas que, aos poucos, está se tornando uma estratégia para que os docentes consigam atrair as crianças à leitura. Os inúmeros recursos e possibilidades de uma interação entre a criança, a leitura e o mundo digital possibilitam transformações em todos os sentidos. Reconhecer a importância da literatura digital e incentivar a criança ao hábito de leitura na idade em que todos os hábitos se formam, isto é, na infância, é o que mais nos motiva.” informa a deputada.
O Projeto irá incentivar o setor da literatura digital, permitindo o surgimento de espaços de criatividade e liberdade criativa, fomentando a troca de experiências e o trabalho em rede, proporcionando espaços de coesão social, potencializando as iniciativas já existentes, além de auxiliar na implantação de novas experiências.
“Podemos ressaltar que uma das grandes vantagens adquiridas pelas novas tecnologias é que os livros melhoraram muito, desde os formatos cada vez mais imaginativos, passando pela maior variedade dos tipos de letra, pela melhoria das ilustrações e da cor. Os jogos pedagógicos interativos também possuem adaptações de histórias da literatura infantil, na grande maioria, acompanhadas de animações, sons, voz e música. Podemos dizer que não importa se o leitor utiliza os livros manuscritos ou as tecnologias para explorar o seu imaginário, mas o importante mesmo é que estes oferecem leituras com um rico conteúdo.” continuou a deputada Aderlânia.
O projeto prevê ainda a capacitação gerencial e a formação de mão de obra qualificada, bem como a oferta de linhas de crédito e de financiamento para produção e comercialização, pesquisa, desenvolvimento tecnológico e assistência técnica ao setor da Literatura Digital.

Repórter Ceará
    Comente pelo Disqus
    Comente pelo Facebook
#Compartilhe