“Minha aliança é com o povo do Ceará”, afirma Eunício

Disposição, trabalho e conquistas em prol do desenvolvimento econômico e social do Ceará e do Brasil. Essa foi a tônica do encontro regional do PMDB do Ceará realizado na manhã deste sábado (28), no município de Solonópole, no Sertão Central. O evento foi comandado pelo presidente do Congresso Nacional, senador Eunício Oliveira, e marcou a filiação de diversas lideranças políticas ao partido, a exemplo dos prefeitos de Solonópole, Webston Pinheiro, e de Baixio, Zé Humberto, e de lideranças de Quixelô, como Gilson Oliveira e Samuel Araújo.
Em contato com os correligionários, prefeitos e lideranças políticas de mais de 40 municípios, deputados e dirigentes de orgãos federais no estado e população em geral, Eunício fez uma verdadeira prestação de contas do papel que vem desempenhando na presidência do Senado Federal e do Congresso Nacional. Ele fez questão de apontar as dificuldades que surgem no caminho, mas assegurou que elas não tem impedido que muitas vitórias sejam alcançadas em benefício dos cearenses.
Eunício citou os embates com a área econômica do Governo Federal para autorizar a renegociação das dívidas dos produtores rurais atingidos pela seca, a garantia da aplicação dos R$ 516 milhões para a conclusão das obras da Transposição, o não aumento da carga tributária brasileira e a redução das taxas de juros do Fundo Constitucional de Desenvolvimento do Nordeste (FNE).
O parlamentar enalteceu ainda que tem obtido êxito na liberação de recursos para projetos essenciais à melhoria da qualidade de vida da população cearense, tais como os R$ 400 milhões para a construção dos hospitais de Limoeiro do Norte e Região Metropolitana de Fortaleza, R$ 200 milhões para programas sociais em Fortaleza e R$ 112 milhões de reais para a perfuração de poços profundos no Ceará.
“Nós nascemos na terra seca, somos um povo sofrido, mas somos um povo decente, trabalhador, honesto, lutador e corajoso para enfrentar as intempéries pela melhora do dia a dia. Cheguei até aqui firme, na condição de presidente de um dos Poderes da República, com disposição para honrar o mandato que me foi colocado nas mãos pelo povo cearense”, declarou.
Eunício fez questão de reforçar sua disposição para seguir lutando pela liberação de recursos para o Ceará, mesmo que os mesmos venham a ser geridos por adversários políticos. Segundo ele, esse não é o momento de pensar em eleições, mas sim nas reais necessidades da população. “Alianças políticas, nós vamos discutir em 2018. Agora minha aliança é com o povo do Ceará”, assegurou.
O presidente em exercício do PMDB, Gaudencio Lucena, disse que a filiação de novas lideranças mostra as perspectivas do partido de seguir trabalhando muito pelo desenvolvimento do Estado do Ceará. Ele elogiou a postura de Eunício de batalhar por mais recursos para o estado, independentemente de quem vai gerir sua aplicação.
Mauro Benevides, que também foi senador e ocupou o cargo de presidente do Congresso Nacional, descreveu em breves palavras sua história de luta em 14 mandatos legislativos, sempre colocando à frete as justas reivindicações do povo. "Na luta democrática,  precisa-se de coragem e civismo para defender as aspirações do povo brasileiro", sustentou.
Anfitrião do encontro, o prefeito Webston Pinheiro destacou a satisfação de retornar ao PMDB, no momento em que comemora muitas conquistas para o município, como a construção de açudes, obras de abastecimento de água nas comunidades rurais, praça do Centro de Cidade, regularização do matadouro público e estrada ligando os distritos de São José a Assunção.
O deputado federal Moses Rodrigues (PMDB-CE) elencou uma série de realizações encabeçadas pelo senador Eunício Oliveira, tais como a liberação dos recursos para a Transposição do São Francisco, a proteção à atividade dos pescadores, a renegociação das dívidas dos produtores rurais prejudicados pela seca a destinação de verbas para a saúde no Ceará e a agenda voltada para a segurança pública.
O deputado estadual Danniel Oliveira (PMDB-CE) ressaltou a tradição do partido de debater a realidade do Ceará junto com o povo, sob a liderança do senador Eunício Oliveira, que chegou à presidência do Congresso Nacional lutando por melhores condições de vida para seus conterrâneos. Ele registrou a que considera a "maior obra das últimas duas décadas" a Lei Eunício Oliveira, que permitiu a renegociação das dívidas de mais de um milhão e meio de trabalhadores atingidos pela seca.
O deputado estadual Leonardo Araújo (PMDB-CE) enalteceu a história do PMDB, que reconhece a população como o fim maior de sua luta. Ele admitiu que é uma honra ser liderado por um político tão dedicado à causa dos cearenses como Eunício Oliveira, e celebrou a oportunidade de vivenciar tão profícuo ambiente no partido.
O Superintendente da Funasa no Ceará, Ricardo Silveira, disse ter assumido essa missão por entender que há muitas regiões carentes no estado, e que a Funasa tem condições de realizar obras em benefício da população, com apoio em Brasília do senador Eunício Oliveira.
O prefeito de Mombaça, Ecildo Filho, falou em nome de todos os gestores municipais, ressaltando as lutas travadas pelo partido e, em especial, pelo senador Eunício Oliveira. Ele destacou a renegociação das dívidas dos trabalhadores rurais atingidos pela seca, por meio da Lei Eunício Oliveira, e a criação de novos cursos de medicina no interior, além da instalação de novos Institutos Federais de Educação no Ceará.
Também marcaram presença o Secretário Nacional de Desenvolvimento Regional do Ministério da Integração Nacional, Marlon Cambraia, o diretor geral do Dnocs, Ângelo Guerra, o presidente da Companhia Docas do Ceará, César Pinheiro, o Superintendente da Funasa no Ceará, Ricardo Silveira, o diretor regional dos Correios no Ceará, Érico Jovino, entre outras personalidades, lideranças políticas de 41 municípios cearenses, além da população de Solonópole.
Entre os demais prefeitos presentes, estiveram os de Lavras da Mangabeira, Ildsser Alencar, de Guaraciaba do Norte, Adail Machado, de Uruburetama, Hilson Paiva, de Santa Quitéria, Tomás Figueiredo, de Tejuçuoca, Heloíde Estevam, Arneiroz, Edgar Monteiro, de Massapê, Jacques Albuquerque, de Ipaumirim, Geraldo, de Milhã, Darlan Dantas, de Granjeiro, João Gregório, de Jaguaretama, Glairton Cunha, de Santana do Acaraú, Marcelo Arcanjo, de Fortim, Naselmo, Jijoca de Jericoacoara, Lindbergh Martins, de Ibaretama, Edson Morais, de Itaiçaba, Dr. Erenarco, de Itapiúna, Dário Coelho, de Madalena, Sônia, de Várzea Alegre, Helder Carvalho, de Piquet Carneiro, Bismarck.
    Comente pelo Disqus
    Comente pelo Facebook
#Compartilhe