Dois candidatos saíram do Enem 2017 com o caderno de provas antes do horário permitido, diz Inep

Duas pessoas inscritas na edição 2017 do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) saíram do local de provas com o caderno de questões antes do horário permitido. A informação foi confirmada ao G1 pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) na tarde deste domingo (5). Nenhum dos dois casos configura vazamento da prova, segundo o instituto.
Um dos casos aconteceu em um local de provas em Goiás. De acordo com o Inep, o candidato, que já foi identificado, foi retirado da sala de aula depois de um "surto" relacionado a uma das questões da prova. "No momento que foi informado que seria eliminado fugiu com a prova e com o cartão resposta", diz a nota da autarquia.
O segundo caso ainda não foi identificado. A foto da folha de redação de uma prova circulou na tarde deste domingo em grupos do WhatsApp. O G1 teve acesso à imagem às 17h, uma hora e meia antes do horário em que os candidatos poderiam sair do local de provas com o caderno. O Inep afirmou que o caderno, da cor verde, é destinado aos candidatos surdos, e que 2.992 candidatos com deficiência auditiva teriam tido acesso a ele. "O participante está sendo identificado para adoção das providências cabíveis", afirmou o Inep sobre esse caso.

G1
    Comente pelo Disqus
    Comente pelo Facebook
#Compartilhe