Publicidade

Hora de Plantar anistia agricultores de Santa Quitéria e mais 71 municípios cearenses

A Secretaria do Desenvolvimento Rural do Ceará acaba de dispensar do pagamento do boleto do Programa Hora de Plantar agricultores familiares de 72 municípios. A medida está prevista no Manual Operacional do projeto. A SDR adotou essa decisão justificando que os índices pluviométricos municipais foram 50% abaixo da média histórica, de acordo com a Funceme, e/ou o laudo de perda de produção acima de 50%, de acordo com a Ematerce.
O ato, segundo o titular da SDR, Dedé Teixeira, representa a dispensa de pagamento de R$ 2.540.550,90, referentes a 1.485 toneladas de sementes de milho híbrido e variedade, feijão caupi, sorgo forrageiro e mamona, 2.315.050 raquetes de palma forrageira, 120.166 mudas de cajueiro anão e mudas florestais e 976 m3 de manivas. Os 76.177 agricultores atendidos pela decisão correspondem a 50,57% do público-alvo, enquanto o número de municípios beneficiados equivalem a 39,56%.
Os municípios atendidos com a dispensa do pagamento foram: Acopiara, Aiuaba, Alto Santo, Aracati, Araripe, Arneiroz, Baixio, Barreira, Beberibe, Boa Viagem, Brejo Santo, Campos Sales, Canindé, Caridade, Cariús, Carnaubal, Cascavel, Catarina, Catunda, Coreaú, Croatá, Deputado Irapuan Pinheiro, Ererê, Fortim, Hidrolândia, Ibicuitinga, Icapuí, Icó, Iguatu, Independência, Ipaumirim, Iracema, Irauçuba, Itaiçaba, Itatira, Jaguaretama, Jaguaribara, Jaguaribe, Jaguaruana, Jardim, Jati, Jucás, Limoeiro do Norte, Madalena, Milhã, Mombaça, Monsenhor Tabosa, Morada Nova, Mulungu, Nova Olinda, Palhano, Parambu, Pedra Branca, Penaforte, Pereiro, Piquet Carneiro, Potiretama, Quiterianópolis, Quixelô, Quixeré, Russas, Saboeiro, Santa Quitéria, Santana do Cariri, São João do Jaguaribe, Senador Pompeu, Solonópole, Tabuleiro do Norte, Tauá, Tururu, Umari e Uruburetama.

Governo do Ceará
    Comente pelo Disqus
    Comente pelo Facebook
#Compartilhe