Publicidade

Projeto da Polícia Civil une cargos de escrivão e inspetor

Foi apresentado neste sábado (25), na sede do Sindicato dos Policiais Civis de Carreira do Estado do Ceará (Sinpol-CE), projeto que visa unificar as atividades relativas aos cargos de escrivão e inspetor. 
Com a unificação, segundo o Sinpol-CE, os profissionais da área passariam a ser denominados Oficiais de Polícia Judiciária (OPJ). A proposta é implantar "pilotos" em, pelo menos, duas delegacias.
O Sindicato irá realizar novas reuniões e audiências públicas na Capital e Interior, e pretende se reunir com o Governador Camilo Santana para apresentar o projeto.
"Hoje, estamos dando o start nessa caminhada na busca pela criação do novo cargo chamado OPJ (Oficial de Polícia Judiciária). Embora os policiais já conheçam o projeto, trata-se da primeira apresentação oficial à categoria, em detalhes", afirma Ana Paula Cavalcante, vice-presidente do Sinpol.

Justificativas do projeto
Segundo Ana Paula Cavalcante, há uma dificuldade, por parte da Polícia Civil, "porque o que existe hoje é a investigação de rua (inspetor) e a investigação cartorária (escrivão), o que ocasiona uma quebra de continuidade na investigação, pois o policial que vai à rua e ouve as testemunhas não é o mesmo policial que está no computador e coloca os dados a termo", esclarece.
A reunião, ocorrida neste sábado (25), visa discutir se a categoria de policiais civis concorda com a iniciativa. "A partir daí, virão os pilotos e a formatação final para apresentar ao governador para, quem sabe, ele abraçar a demanda", reforça a vice-presidente do Sinpol-CE.
A entidade destaca, ainda, que os servidores que preferirem ficar na carreira antiga, poderão ficar no seu cargo de origem, sendo ele o de inspetor ou de escrivão.

Diário do Nordeste
    Comente pelo Disqus
    Comente pelo Facebook
#Compartilhe