Moradores prendem prefeito boliviano em armadilha devido a promessas de campanha não cumpridas

Javier Delgado, prefeito da cidade de San Buenaventura, na Bolívia, acabou preso por cerca de uma hora em uma armadilha feita pela população da cidade. O motivo: o não cumprimento de promessas de campanha. Segundo moradores, o político teria "mentido". Esta é a terceira vez que ele é amarrado pelos cidadãos em apenas dois anos de mandato. 
Na foto, divulgada pelo portal boliviano El Deber, Delgado está com o pé preso em uma armadilha de madeira, comum na região, enquanto fuma um cigarro e é "vigiado" pelos moradores da pequena cidade de 8 mil habitantes. A punição segue antigos costumes locais.
Em entrevista ao El Deber, o prefeito nega ter feito algo de errado. "Foi tudo uma confusão provocada por pessoas que espalharam mentiras com o intuito de revogar meu mandato”, afirmou. Ele diz que é alvo de perseguição de madeireiros ricos da cidade.
Delgado era do Movimento ao Socialismo (MAS), mesmo do presidente Evo Morales, mas acabou rompendo com o grupo nas últimas eleições. De acordo com o prefeito, não vão ser tomadas medidas legais contra os autores da ação. "Não é culpa da população. É culpa das pessoas que perderam o poder que sempre tiveram", comentou.

O POVO Online
Cadernos:
[disqus][facebook]

MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget