Nordeste concentra perda de empregos e Ceará fecha 375 vagas

O Ceará fechou 375 postos de trabalho no mês de fevereiro, seguindo tendência do Nordeste. A região foi a única na qual houve saldo negativo de empregos na comparação com janeiro, com 25.953 postos a menos. Em todo o Brasil, houve criação de 61.188 postos. Em janeiro, o Ceará havia registrado o primeiro saldo positivo de empregos em 15 anos.

Os setores que fecharam empregos no Ceará foram agropecuária (menos 463 vagas, variação negativa de 1,98%), comércio (fechou 1.210 postos, queda de 0,48%) e serviços industriais de utilidade pública (87 empregos a menos, 1% a menos). Dois desses setores tiveram desempenho negativo de empregos em todo o País: comércio (-25.247 postos) e agropecuária (-3.738 postos).

O maior número de vagas no Ceará foi criado no setor de serviços: 764 (alta de 0,16%). A seguir, aparecem administração pública (438 vagas, 0,87% a mais), indústria de transformação (114 vagas, alta de 0,05%), construção civil (56 vagas, alta de 0,08%) e extrativa mineral (13 vagas, 0,46% a mais).

Em 16 estados houve saldo positivo de empregos. Melhores resultados foram em São Paulo (30.040 vagas), Santa Catarina (16.344), Rio Grande do Sul (13.024), Paraná (7.703), Minas Gerais (7.288) e Goiás (5.137).

Dos 11 estados com variação negativa, os piores resultados foram em Alagoas (-10.698), Pernambuco (-7.381), Rio Grande do Norte (-3.570), Paraíba (-2.758), Rio de Janeiro (-2.750), Sergipe (-931) e Acre (-428). O Ceará teve o oitavo pior resultado.

Apesar do resultado ruim no Nordeste, o governo comemora o desempenho positivo nas demais regiões. "Esses resultados confirmam a recuperação econômica e a retomada dos empregos. As medidas adotadas pelo governo foram acertadas e estamos otimistas que esses números se repetirão ao longo do ano", disse o ministro interino do Trabalho, Helton Yomura.

O Povo Online
Cadernos:

Postar um comentário

A Voz de Santa Quitéria é uma ferramenta de informação que tem como características primordiais, a imparcialidade e o respeito a liberdade de expressão.
Contudo, em virtude da grande quantidade de comentários anônimos postados por pessoas que se utilizam do anonimato muitas vezes para ferir a honra e a dignidade de outras, a opção "Anônimo" foi desativada.
Agradecemos a compreensão de todos, disponibilizando desde já um endereço de email para quem tiver interesse em enviar sugestões de matérias, críticas ou elogios: avozdesantaquiteria@outlook.com.

Cordialmente,
Departamento de jornalismo

[disqus][facebook]

MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget