Rodrigo Maia e Ciro Gomes são lançados pré-candidatos hoje

Em Brasília, o dia de hoje será de intenso debate sobre as eleições presidenciais. Pela manhã, o DEM abrirá espaço para a pré-candidatura do presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (RJ), em convenção nacional do partido. À noite, por volta das 19 horas, será a vez do PDT lançar o nome do ex-governador do Ceará Ciro Gomes.Ambos os lançamentos são apenas simbólicos, porque a lei eleitoral prevê que a oficialização das candidaturas deverá ocorrer somente entre os dias 20 de julho e 5 de agosto, mas são importantes para a consolidação e fortalecimento dos nomes.O evento do PDT é, na verdade, mais um entre tantos lançamentos da pré-candidatura de Ciro. Há quase um ano, no dia 18 de março de 2017, em convenção nacional do partido, o nome do ex-governador foi lançado “oficialmente” pela primeira vez. Na campanha para prefeito em 2016, no entanto, ele já havia apresentado a candidatura, que foi reafirmada em diversos encontros da legenda em nível local e nacional.
Carlos Lupi, presidente do PDT, fez o convite do evento pelo Facebook. No vídeo, ele destaca a “competência” e a “vida limpa” de Ciro. Quem deve participar do evento é o governador Camilo Santana (PT), que está em Brasília desde ontem cumprindo agenda institucional. O petista prefere não deixar claro se apoiará Ciro ou o ex-presidente Lula ao cargo.
Enquanto Ciro tem caminho livre dentro do partido, a candidatura de Maia ainda não é garantida. Ela depende, ainda, de articulações dentro e fora do DEM e de pesquisas com resultados mais favoráveis. Por enquanto, seu nome ainda é pouco considerado pelos eleitores.
A principal estratégia do deputado tem sido atacar o governador de São Paulo, o tucano Geraldo Alckmin, para minar possibilidade de acordo entre o DEM e o PSDB, o que inviabilizaria sua candidatura. “Ele (Alckmin) é um bom governador, mas a rejeição do PSDB hoje é maior que a do PT, e isso está contaminando a imagem do pré-candidato tucano. Tenho muitas dúvidas sobre a vitória do PSDB nas eleições”, afirmou Maia em entrevista ontem a uma rádio.
O prefeito de Salvador, ACM Neto, que assume a presidência do DEM na convenção, defende o nome de Maia. Ele defende que o deputado “não será candidato do governo como não será candidato da oposição, (...) mas o candidato do Democratas”. Fala fortalece possível candidatura de Maia e revela estratégia do partido de descolar-se do governo do presidente Michel Temer (MDB).
No evento de hoje, o DEM vai divulgar manifesto que elenca prioridades nas áreas econômica e social. O documento não cita reforma da Previdência, uma das bandeiras de Maia durante mandato à frente da Câmara.
O deputado cearense Danilo Forte, recém-filiado ao DEM, afirma que dentro da sigla há sentimento majoritário de busca de um candidato “equilibrado, capaz de criar consensos políticos, governabilidade sem cooptação e que tenha um programa claro de governo”. Seria um “candidato de centro”, resume. E Rodrigo Maia pode, na sua avaliação, ser esse nome.

O POVO Online
Cadernos:

Postar um comentário

A Voz de Santa Quitéria é uma ferramenta de informação que tem como características primordiais, a imparcialidade e o respeito a liberdade de expressão.
Contudo, em virtude da grande quantidade de comentários anônimos postados por pessoas que se utilizam do anonimato muitas vezes para ferir a honra e a dignidade de outras, a opção "Anônimo" foi desativada.
Agradecemos a compreensão de todos, disponibilizando desde já um endereço de email para quem tiver interesse em enviar sugestões de matérias, críticas ou elogios: avozdesantaquiteria@outlook.com.

Cordialmente,
Departamento de jornalismo

[disqus][facebook]

MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget